Art

The WrongWrong

The generative artwork WrongWrong was born from The Wrong and for The Wrong. For its 2019 edition the online art biennial The Wrong issued guidelines for artwork submissions, where the organizers instruct artists that there is (sic) “no need for artwork inspired in news, politics, sports, twitter hate strings or Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

Hello

is a greeting, a connection starter, something we say when we travel, arrive at a location and are met by other people, and also when we engage in a dialogue over our communication devices.  The concepts of communication and transportation have some interesting similarities and intersections. Trains connect distant Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

SAR – Speciesism | Ageism | Racism

EN | PT https://en.wikipedia.org/wiki/Speciesism https://en.wikipedia.org/wiki/Ageism https://en.wikipedia.org/wiki/Racism We all share three universal claims: I am. I live. I die. But by means of a rather opaque process we, humans, have evolved into the belief that deciding whether the life of A is more deserving, more important, more suitable to be cherished, Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

Sobre Principium

Do meu corpo apodrecido irão crescer flores e eu estarei nelas e isso é a eternidade. Edvard Munch O Conceito. Vida e morte. Consciência e imaterialidade. Quantos mundos existirão dentro de mim, povoados por células que interagem entre si, sem que eu tenha consciência ou influência nessa interacção? Faço eu Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

About Principium

From my rotting body, flowers shall grow and I am in them and that is eternity. Edvard Munch Principium was inspired by the strange relationship we have with our bodies: while idolizing and relentlessly photographing the gym-sculpted outside we are still very uncomfortable around visions of its insides, nurtured by Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

έμπνευση, έρευνα, πληροφορίες, δράση, δημιουργία, παρέμβαση, επικοινωνίας

έμπνευση, έρευνα, πληροφορίες, δράση, δημιουργία, παρέμβαση, επικοινωνίας – inspiração, investigação, informação, acção, criação, intervenção e comunicação – é a derradeira peça na série Principium, e foi criada como resposta a um desafio académico, de revisitar o processo criativo ao fim de 4 anos, testá-lo e verificar quais as alterações. Mantendo Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

You&Me (a infinita constelação dos nossos sentidos)

You&Me (a infinita constelação dos nossos sentidos) é um projeto de arte generativa interativa. Nasce como contracorrente a um crescente encapsulamento dos indivíduos dentro de um casulo tecnológico, que tudo medeia e interliga. Se é verdade que me sinto hoje mais ligado do que nunca a estímulos, informação e conteúdos Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

Love Wave

 “Love Wave” é um trocadilho apenas possível em inglês, dado que a sua tradução para português será “Onda de Love”. Passo a explicar: As “Ondas de Love” são ondas sísmicas de superfície, de elevado poder, e são a versão “sólida” das ondas que observamos, por exemplo, à superfície de um Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

EM’ET – Recomposição facial generativa

EM’ET – Espelho Meu, Espelho Teu. E se os nossos espelhos nos devolvessem a imagem de quem somos, sobreposta com imagens de quem nos influencia, de quem nos afecta, amigos e desconhecidos, amados, odiados ou simplesmente ignorados? Programação em Processing Captação de imagem vídeo e processamento em tempo real

Por pedroveiga, Há
You&Me (a infinita constelação dos nossos sentidos)

#6 You&Me – revisitando os postos de interação

Depois de fixar a parte gráfica/programação do projeto, os postos de interação (para dois utilizadores simultâneos) precisavam de ser revistos face às opções entretanto tomadas. Face à opção de dividir o poema em seis segmentos, todos eles identificados com alguns elementos gráficos intimamente ligados às ideias e imagens expressas, identifiquei Read more…

Por pedroveiga, Há
You&Me (a infinita constelação dos nossos sentidos)

#5 You&Me – aproximação final aos grafismos interativos

Os corações flutuantes tendem a aproximar-se. Ao atingir um determinado nível de proximidade, eles são inexoravelmente atraídos um para o outro, e quando se tocam unem-se em criação, harmonia, partilha, contacto. Os seis momentos basilares que definem o comportamento da instalação relacionam-se diretamente com o poema que lhe serviu de Read more…

Por pedroveiga, Há
You&Me (a infinita constelação dos nossos sentidos)

#4 You&Me – narrativa, ações, interações e feedback visual

Cada indivíduo é um coração. Cada coração um símbolo de vida, mas também de sentimento. A existência humana pode ser vivida num estado de aparente proximidade (entre corações), sem que exista um relacionamento. É o estado de flutuação. Cada coração pode escolher determinadas ações que irão provocar uma aproximação, seja Read more…

Por pedroveiga, Há
Art

Retratos generativos

Retratos generativos criados a partir de submissão de fotografia pessoal, com processamento por aplicações desenvolvidas em Processing 3.1. Cubismo generativo Impressionismo generativo

Por pedroveiga, Há
You&Me (a infinita constelação dos nossos sentidos)

#3 You&Me – grafismos e dinamismo interativo digital

Paralelamente à exploração dos dispositivos de interação, dedico-me também a explorar os aspetos reativos a essa mesma interação, nomeadamente gráficos e de animação. O conceito está neste momento centrado em dois corações realistas, animados, representações diretas de You & Me, que podem evoluir independentemente um do outro, sendo o objetivo Read more…

Por pedroveiga, Há
Alchimia

Alchimia (V3) – instalação de arte generativa audio-visual interactiva

ALCHIMIA: uma transmutação misteriosa ou inexplicável, um processo aparentemente mágico de transformação, criação ou combinação. Num universo onde as câmaras se tornaram uma presença constante, desejadas ou não, a nossa relação com a nossa própria representação digital é frequentemente resumida à selfie, preparada como se de um espelho se tratasse, Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Animum debes mutare, non caelum

Animum debes mutare, non caelum. Deves mudar o [teu] ânimo, não o [teu] céu. You must change [your] disposition, not [your] sky. Na sua versão original “Caelum non animum mutant qui trans mare currunt”, que significa “Aqueles que se apressam através do mar mudam o céu [sobre si], não as Read more…

Por pedroveiga, Há
Alchimia

Alchimia (V1) – arte generativa interativa

 ALCHIMIA (V1) As imagens são geradas automaticamente e o sistema progride sem perturbação. Mas nós afectamos o sistema e provocamos a mudança, a transformação, movimento, evolução, nascimento e morte. As nossas mãos transformam o mundo e trazem vida, felicidade, e criam. Nós transformamo-nos. Nós transformamos o mundo através da Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Calcinatio Solutio Separatio Coniunctio Putrefactio Coagulatio Purgatio Sublimatio Fermentatio Exaltatio Augmentatio Proiectio

Calcination, solution, separation, combination, putrefaction, coagulation, cleansing, sublimation, fermentation, multiplication, projection. Calcinação, solução, separação, combinação, putrefação, coagulação, purificação, sublimação, fermentação, multiplicação, projecção. Doze passos da demanda alquimista – processos físicos e químicos que traduzem a busca da Verdade pela alma. A Alquimia é uma prática ancestral que une no seu Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Corona lucis consilio et prudentia

Crown of light wisdom and prudence. Coroa de luz sabedoria e prudência. O busto é da autoria de Antonh Nuhn, e data de 1846, na obra “Chirurgisch-anatomische Tafeln (Abt. 1): Abbildungen der chirurgischen Anatomie des Kopfes und des Halses enthaltend”. O resplendor dividido ao meio é na realidade um curioso Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Amare et sapere vix deo conceditur

Wisdom and love are scarcely granted together even to a god. Amor e sabedoria até a um deus são parcamente concedidos juntos. Frase atribuída a Públio Siro, (85 a.C. – 43 a.C.), escritor latino de Roma antiga, também conhecido como Publilio Sirio, ou como Publilius Syrius ou Publio Sirio, ou Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Via veritas vita

The way, the truth, the life. O caminho, a verdade, a vida. “Via veritas vita” é uma frase em latim que significa “O caminho, a verdade, a vida”, e foi retirada do versículo 6 do capítulo 14 do Evangelho de S. João, como parte do discurso de despedida de Cristo Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Exegi monumentum aere perennius

I have raised a monument more durable than bronze. Ergui um monumento mais duradouro do que o bronze. Palavras finais de Horácio no final do terceiro volumes de “Odes”, em regozijo pela qualidade da sua poesia, e de facto as suas palavras perduram até aos nossos dias. A ilustração principal Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Amoris vulnis idem sanat qui facit

The wounds of love are cured by love itself. As feridas do amor são curadas pelo próprio amor. Frase atribuída a Públio Siro, (85 a.C. – 43 a.C.), escritor latino de Roma antiga, também conhecido como Publilio Sirio, ou como Publilius Syrius ou Publio Sirio, ou Publius Syrius ou Publilio Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Respice adspice prospice

Look back, look to the present, look to the future. Olha para o passado, olha para o presente, olha para o futuro. “Respice adspice prospice” é o lema do City College of New York. A figura neste quadros resulta, uma vez mais, da junção de várias ilustrações. O rosto é Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Igne natura renovatur integra

Through fire, nature is reborn whole. Pelo fogo, a natureza renasce íntegra. Ou a matéria pura é restaurada pelo espírito – é um lema medieval rosacruciano que representa o trabalho do fogo interno do espírito quando opera livre e sem os limites dos véus que o rodeiam, reduz esses mesmos Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Sapientia fortitudo tranquillitas

Wisdom, fortitude, calm. Sabedoria, fortitude, tranquilidade. Ilustração de Joseph Maclise, do seu livro “Surgical Anatomy”, de 1859, relacionando os órgãos internos com a superfície do corpo. No original: A. The systemic aorta. Owing to the body being inclined forwards, the root of the aorta appears to approach too near the Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Spiritus continet infinitum

The spirit holds the infinite. O espírito contém o infinito. No centro da esfera de vidro está a palavra “vida” em caligrafia artística árabe: Ilustração anatómica original de Joseph Maclise, do seu livro “Surgical Anatomy”, de 1859, relativa à axila da mulher e localização de vários órgãos, no original: A. Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Candor dat viribus alas

Candour gives wings to strength. A candura dá asas à força. Lema do Conde de Belvidere (Irlanda), 1756. A ilustração do corpo é da autoria de Andreas Vesalius, da obra “De corporis humani fabrica libri septem”, de 1543, e ilustra os músculos do corpo humano. A ilustração da cabeça é Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Mens agitat molem et magno se corpore miscet

The mind agitates the mass and mixes itself with the magnificent corporeal. A mente age sobre a matéria e mistura-se com o corpóreo magnífico. Verso da Eneida, de Virgílio, sobre a transmigração das almas. Principio caelum ac terram camposque liquentis lucentumque globum lunae titaniaque astra spiritus intus alit totamque infusa Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Inveniet quod quisque velit

Each shall find what he desires. Cada um encontra o que deseja. Frase atribuída a Aurélio Clemente Prudêncio (em latim: Aurelius Clemens Prudentius), referido comummente apenas como Prudêncio (348 – ca. 410), que foi um poeta romano cristão nascido na província romana da Hispânia Tarraconense.  Viajou para Roma, chamado pelo Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Arcana imperii

The secrets of power. Os segredos do poder. Frase atribuída a Públio (Caio) Cornélio Tácito (em latim Publius (Gaius) Cornelius Tacitus) ou simplesmente Tácito, (55 – 120), relativa aos assuntos de Estado  (ou de qualquer organização com ambições universais) secretos. Tácito foi um historiador, orador e político romano. Ocupou os Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Vivat crescat floreat

Live, grow, and flourish. Vive, cresce e floresce. Era uma saudação latina corrente, actualmente usada como lema por inúmeras instituições de ensino ou ligadas à vida espiritual. A ilustração é da autoria de Joseph Maclise, do seu livro “Surgical Anatomy”, de 1859. No interior do peito encontramos uma imagem intitulada Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Transit umbra lux permanet

Shadow passes, light remains. A sombra passa, a luz permanece. Trata-se de uma inscrição característica de um relógio de sol, alusiva à passagem do tempo, aos ciclos de escuridão e luz. Vemos em plano secundário uma representação da lua, e no plexo solar da figura humana um sol, reforçando este Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Beatus homo qui invenit sapientiam

Blessed is the man who finds wisdom. Abençoado o homem que encontra a sabedoria. A ilustração base representa o sistema linfático da cabeça, tronco, braço, ante-braço e mão e pertence ao livro “Handbuch der Anatomie des Menschen” (manual de anatomia humana) publicado em 1841 em Leipzig, Alemanha, da autoria do Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Ab absurdo ad astra

From absurd to the stars. Do absurdo até às estrelas. Frase de minha autoria, baseada na ideia de que muitas vezes os pensamentos mais absurdos são aqueles que nos levam mais longe, porque nos permitem romper com barreiras conscientes e inconscientes. Imagem da autoria de Bernardino Genga na obra Anatomia Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Ex nihilo nihil fit

Nothing comes from nothing. Nada vem do nada. Ex nihilo nihil fit é uma expressão latina que significa nada surge do nada. É uma expressão que indica um princípio metafísico segundo o qual o ser não pode começar a existir a partir do nada. A frase é atribuída ao filósofo Read more…

Por pedroveiga, Há
Artworks

Crescat scientia vita excolatur

Let knowledge grow, let life be enriched. Que cresça o conhecimento, que se enriqueça a vida. Lema da Universidade de Chicago. A ilustração principal provém de um antigo manual de instrução primária francesa, e não tem autoria conhecida. A figura encontra-se dentro de um círculo de transmutação. Os círculos de Read more…

Por pedroveiga, Há