Amoris vulnis idem sanat qui facit

The wounds of love are cured by love itself.

As feridas do amor são curadas pelo próprio amor.

Frase atribuída a Públio Siro, (85 a.C. – 43 a.C.), escritor latino de Roma antiga, também conhecido como Publilio Sirio, ou como Publilius Syrius ou Publio Sirio, ou Publius Syrius ou Publilio Siro ou Publilii Syri. Era nativo na Síria e foi feito escravo e enviado para a Itália, mas graças ao seu talento, ganhou o favor de seu senhor, que o libertou e o educou.

Ilustração de Joseph Maclise, do seu livro “Surgical Anatomy”, de 1859, relativa à anatomia da axila da mulher e à localização de vários órgãos. De notar os fios em torno do pulso e dos vasos sanguíneos da axila, que permitiam a suspensão do corpo e a melhor vista dos órgãos, quer para propósitos educativos (aulas em teatro anatómico), quer para o artista/ilustrador poder desenhar a partir de um modelo estável. No original:

036P14_25

A. Axillary vein.
B. Axillary artery.
C. Coraco-brachialis muscle.
D. Short head of the biceps muscle.
E. Pectoralis major muscle.
F. Mammary gland, seen in section.
G. Serratus magnus muscle.
H. Lymphatic gland; h h, other glands of the lymphatic class.
I. Subscapular artery, crossed by the intercosto-humeral nerves and descending parallel to the external respiratory nerve. Beneath the artery is seen a subscapular branch of the brachial plexus, given to the latissimus dorsi muscle.
K. Locality of the subclavian artery.
L. Locality of the brachial artery at the bend of the elbow.

Outro símbolo comum de metamorfose espiritual é a borboleta, ao entrar para o casulo como larva. feia e lenta, e após um período de encerramento em si mesma emergir como um novo ser, belo, alado e livre das restrições terrenas.

dessin_insectes_0173_papillon_ornithoptere_de_durville_-_ornithoptera_urvilliana

Save